quinta-feira, 21 de maio de 2009

É...QUEM NASCE PRA BRILHAR..BRILHA....

Domingão. Sol. Quer mais? 10km pela frente. Quer mais? 20 dias sem treinar. Quer mais ainda? Ah, mas tem, se tem....
Às 07:00 estava eu no ponto de ônibus esperando meu pai. Dessa vez não deu para irmos de carro, já que largada e chegada seria em lugares diferentes e totalmente contra-mão. Mas e daí? Eu estava muito ansiosa, mas dessa vez uma ansiedade bem diferente das outras, já que eu sabia que eu não estava ali para competir, mas sim, para tentar concluir a prova ao lado da Ednalva Laureano, nossa Pretinha, que este ano, gentilmente carregou a placa de 55 minutos incentivando aqueles que almejavam este tempo. Todo ano era a mesma coisa. Eu e meu pai chegávamos e nos espremíamos lá na muvuca de gente que queria largar na frente. E a gente sempre conseguia. Tá certo que na hora da largada era uma loucura, sendo que no ano retrasado, meu pai quase foi decaptado...rs...

Mas, este ano não. Este ano foi outra coisa. Sugeri a meu pai que largássemos atrás, lá na placa dos 55 minutos. Como eu não havia treinado, achei razoável este tempo. Ele concordou. O acordo era largarmos e corrermos todo o percurso juntos. seria inédito, já que todas as vezes, nos despedíamos na largada.

Então, já que estávamos longe da muvuca, dale aquecimento. Uns 30 minutos quem sabe...uns trotinhos e ...uma entrevista... â????o que???? como???? Sim, minha gente, uma entrevista... Estáamos eu e meu pai no maior aquecimento, quando a repórter do jornal A Tribuna chegou junto: "Vcs são amigos?" Não, não, pai e filha! "Que ótimo, posso entrevistar vocês?
Me fingindo muito tímida, espondi que sim, mas alguns segundos depois fui desmascarada...já que ... ah... dêem uma olhadinha no vídeo...

http://www.tvtribuna.com/videos/?video=23624

Depois dos 15 minutos de fama, rimos muito e ficamos mais ansiosos para correr e participar daquela grande festa. Eram 15.000 atletas. Então, avistei Pretinha no meio da multidão. Ela e seu ajudante que carregaria a placa dos 55 minutos. " É aqui pai, é aqui mesmo. Gruta nela e segue a placa até o final. Se sentir que dá, me deixa para trás e vai". Dadas as orientações finais, o que nos restou foi aguardar o fuóóó´....3 exatos minutos até passarmos pelo tapete vermelho e então tudo aocmeçou...Um empurra empurra aqui, outro ali e eu grudada na Pretinha. Não queria perder a mulher de vista nem por 1 segundinho e em contra partida, não podia deixar meu pai no meio da multidão...."Vem pai, vem...segue a placa"....

Na entrada do túnel o pessoal começou a perceber que a Pretinah era a Pretinha...rs...e aí, mesmo aqueles que podiam aumentar o ritmo ficaram embaçando atrapalhando aqueles (e aqui entenda-se eu e meu pai) queriam completar a prova naquele tempo.

O túnel estava escuro, pois inventaram este ano de tentar fazer uma discoteca lá dentro. Idéia imbecil, já que ninguém enxergava nada...Conclusão, perdi meu pai. Mas nem tudo estava perdido, pois ainda estava grudada na Pretinha, o que não durou muito...exato 1km. Não entendi o que estava acontecendo, já que de uma hora para outra ela aumentou o ritmo de tal forma, que eu vi a plaquinha se distanciando, se distanciando e eu ali, me desesperando, me desesperando...Agora tava tudo lascado.. perdi meu pai, perdi a Pretinha, perdi a placa dos 55 minutos, estaria eu perdendo tempo ali????

Continuei a correr, independente do tempo.. agora era pra 56, 57, 1 hora, sei lá...era para terminar..de preferência feliz...rs...Estava num ritmo bem confortável. Com um pessoal animado durante todo o percurso gritando, incentivando, era difícil pensar em marcar tempo...tinha mais é que brincar e se dar ao luxo de passar em baixo da mangueira da moça que lavava o quintal. Quando em outras provas , eu faria isso???? O calor nem castigou, mas o ventinho...fez com que muita gente perdesse o ritmo, ao contrário de mim, que felizmente tenho uma imensa capacidade de crescer no sol, no vento...impressionante!...Na altura do quilômetro 8, quando eu já nem mais vi a plaquinha da Pretinha, mas também não vi a plaquinha dos 60 minutos, carregadas pelo Valmir, passei debaixo de um chuveiro instalado no emio da prova para refrescar a cabeça dos atletas. A partir de então...foi um martírio. Comecei a sentir a famosinha e chatinha dor do lado que nem vou perder meu tempo explicando o que é, pois todo corredor já sentiu.

Bom, eu estava ali no 8º quilômetro, não estava cansada. Tudo bem a dor atrapalhava muito, mas e daí, a plaquinha da Pretinha tinha se perdido e a minha promessa de chegar nos 55 minutos também...o jeito era levar como dava...e levei...Quando eu avistei a placa do k9,5, respirei fundo e fui...Aqui tenho que abrir um parêntese para uma imbecil que sedentariamente observava os atletas passarem dizendo a pérola: " Caramba, até uma barata corre mais rápido que isso". Puta merda, faltavam 500 metros para eu terminar a prova feliz, com um tempo que há pelo menos uns 3 anos eu não fazia...rs...e ouvir isso, confesso, me deu uma imensa vontade de pular no pescoço da palhaça e arrastá-la até a chegada com a cara no asfalto....Tudo bem, o anjinho bom me fez acreditar que o melhor era seguir e completar a prova, não esquecendo de olhar para o cronômetro que marcava incríveis 056 bruto e 053:19 líquido....Oi???? Como???? Mas e a Pretinha não deveria estar atrás de mim, já que a placa era de 55 minutos? Feliz da vida, pisei no tapete vermelho, agradeci e fui buscar minha medalhinha finisher com gostinho todo especial

Bonitinha né???? Assim que cheguei, fiquei esperando meu pai passar...chegou uns 5 minutos depois. Então, encontrei uma amiga minha....Comentei com ela sobre os meus 53 minutos e do mistério de Pretinha e para minha surpresa fiquei sabendo que Pretinha cruzou a linha em 51 minutos. Peraíiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii.....Então eu cumpri o meu prometido...quem não cumpriu foi ela....Aliás, fiz melhor, corri 2 minutos abaixo do tempo previsto. Na verdade não achei legal o que aconteceu. No ano passado, Valmir Nunes levou a placa de 60 minutos. No último quilômetro ao perceber que não daria para completar os 10km no tempo previsto, fez em 4 minutos. Vamos combinar, quem corre para 6 o quilômetro, não tem como correr para 4...Eu mesma não conseguiria...de toda forma....era o que tinha para aquele dia.

Ai, pausa para foto....


Querem mais??? Ah, tem...claro que tem...e se tem....Estávamos eu, meu marido e meu filhote em frente ao Bonde, na Praça da premiação, quando tãntãntãn...Vocês se lembram, qual o atleta faltou na minha tarde campeã???? Ahaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa....Marilson Gomes....Não é que ele estava sendo chamado para o pódio (ganhou em 1º lugar, foi Tetra campeão da prova) e passou atrás de quem???? Ah, era o meu dia minha gente...."Mariiiiiiiilsooooooon!!!! (aqui tenho que dizer que foi em tom de espanto e admiração...rs...)....tira uma foto comigo? Muito embora o segurança não tenha gostado nada da idéia, Marilson tirou siiiiiiiiiiiiiiiiiiim....e tá aí...rs...



com direito a segurança e tudo fazendo figuração atrás da foto...rs....E aí querem mais???? Tá bom para vocês...rs...Tem mais....ah, mas tem...e se tem....rs....

Estava eu, após esse fantástico encontro casual com Marílson Gomes, quando uma repórter se aproxima. Eu estava com meu filhote no colo, acho que foi ele quem chamou a atenção dela, já que lá na largada, ela tinha passado por mim inúmeras vezes e nem Tchum pra mim.

"Posso falar com você?" "Claaaaro"....(a esta altura, eu já estava calibrada...rss) E já começou a perguntar sobre o por quê correr os 10km da Tribuna é tão bacana, se era a 1a vez... e então me perguntou: "Sou maluco por corrida porque....?" ãããããããã?????????? Alguém reconhece essa perguntinha básica???? Seria de algum programinha de corrida que passa na ESPN toda sexta feira às 21:30???? kkkkkkkkk... Sim, era para o Programa Eu amo Correr.....nananannana....Em seguida me pediu para fazer uma pergunta ao especialista.

Na verdade eu já sei a resposta da minha pegunta ( A postura influi no ritmo de prova?), mas achei legal abordar esse tema, já que tenho visto bizarrices quanto a isso...é gente correndo corcunda, correndo ereta demais...com ombros caídos, com ombros endurecidos....então....

O engraçado é que sempre que eu assisto o programa ficava pensando no que responder quando me perguntasse Sou maluco por corrida porque...e na hora veio uma resposta tão medonha...rs...quer dizer..medoinha, mas poderia ser melhor...rs...."Porque é qualidade de vida". Ah, tá bom, é qualidade de vida, mas todo mundo sabe, incluisive eu que a piração pela corrida vai além disso. Talvez a gente não consiga mesmo explicar não é?????

Depois de 2 entrevistas e da promessa cumprida, fomos até a barraca da minha equipe. João (meu filho) se esbaldou na areia e resolveu comê-la...rs....E nós, mais uma vez unidos por uma mesma paixão tiramos a fotinho de praxe....


"Essa família é muito unidaaaaa.... e também muito ouriçada"...rs.....E assim, mais uma missão cumprida se foi....

Ps.: Não percam hen... na sexta....tô segurando o Joãozinho....Ah... tenho que contar...enquanto ela me entrevistava, João tirou a espuma do microfone...kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.....é bem meu filho mesmo!!!!!!

4 comentários:

Regis..."amocorrer" disse...

vi o video e adorei..so vc mesmo, parabéns, qdo eu te ver vc tira uma foto comigo?afinal tu ta virando celebridade...rs...abcs

Jorge disse...

---------\\\\|/---------
--------(@@)-------
-o--oO--(_)--Ooo-
Ninguém segura essa mulherrrrrrrrrr eita corredora porretaaaaaaaa...hehehe...Parabéns amiga, relato da tribuna sensacional...Tá até ficando famosa, entrevistada e tudo...Um dia irei conhecer essa linda família....Ve se cuida dessa dor hein.
Bom final de semana e boas corridas.
Um abraço,

JORGE CERQUEIRA
www.jmaratona.blogspot.com

Mayumi disse...

Parabéns pelo controle do tempo! Acho que vou escrever para a Tribuna pedindo para darem a plaquinha de 55 minutos para vc segurar! Rsrsrs. mas não vale correr a 4 km/h no último km, viu? Senão, não dá para acompanhar! O meu melhor tempo aí foi 1:00 quase cravado! Bons treinos!

...tuttA... disse...

Oi Luci, parabéns por toda esta disposição no texto, se é que posso chamar assim.
Pow minina, vc consegue colocar a gente dentro da prova com relatos como este.
Tá de parabéns elevado ao quadrado.
Tá de parabéns também pelas duas entrevistas, pelo tempo obtido na prova e pela belíssima medalha conquistada...


---> tutta <---
ubiratã-pr.
www.correndocorridas.blogspot.com