terça-feira, 5 de janeiro de 2010

PÉS DE MOLHO


Para a grande maioria, começo de ano é tempo de voltar para o treino base e se preparar para o cqalendário de corridas 2010, certo?


Infelizmente pra mim, é hora de DESCANSAR. E quando eu digo descansar é descansar mesmo, não vale nem um trotinho até a esquina. Tudo bem, especificamente no meu caso, sou obrigada a descansar, já que ainda estou lesionada e confesso, ainda no meu 5º dia de descanso, já estou em total abstinência subindo pelas paredes, sem exagero nenhum.


O fato é que o descanso de uma maneira geral é muito importante. Há muitos atletas, e aqui, eu posso dizer que conheço muitos, que acham que parar para descansar uns 15 dias atrapalha tudo nos treinos e que voltar a ter o mesmo condicionamento físico depois é bem difícil. Pode até ser, mas o descanso é primordial até para os quenianos, quiçá, para nós, meros mortais.


Tem gente que acha que treinar, treinar, treinar sem parar nos leva à perfeição. Nada disso.. nos leva sim.. a um outro caminho.. às lesões. E tenho certeza que aqui todo mundo quer vida longa às corridas não é mesmo?


De acordo com o site Copacabanarunners, os dias mais importantes no programa não são os de treinos duros, mas os quatro dias de treino leve, agendados para segunda-feira, quarta-feira, sexta-feira e sábado. Os dias de treino leve são de importância crítica, porque eles permitem que o organismo se recupere dos treinos fortes, e se adapte ao treinamento duro feito durante os outros dias da semana. Sem os dias leves, ou dias de descanso entre os treinos fortes, o treinamento irá lhe quebrar ao invés de torná-lo mais forte. Lembram-se do termo Supercompensação? Pois é...é justamente aqui que ele entra...é no descanso que o corpo se prepara para e se recupera dos treinos duros que a gente faz.


Eu sei que ficar sem correr é difícil. Quantas vezes em dias de descanso, ao sair para dar uma caminhadazinha, ví alguém correndo e me deu uma vontade louca de sair atrás...mas calma aí....pisa no freio Zé...não é bem por aí...


Descanso, ou dias leves, são a parte mais negligenciada de muitos programas. Geralmente os corredores são relutantes em descansar o suficiente entre os treinos fortes porque eles se preocupam em perder condicionamento. Não perde. O corpo tem a sua memória, acreditem. Podem descansar sem medo, mas também não imendem um descanso tão longo não é??? daqueles que seria por 1 semaninha e de repente.... ups.. lá se foram 15 dias.....


Obviamente, como eu disse, meu "molho" é obrigatório. Preciso curar minha lesão. Pouco me importa se depois dos 10, 15 dias que ficarei de correr, rodar os 10k para 46 ou 1 hora...o importante é estar zerada....corer bem para correr sempre esse é o lema...


Portanto...pé na tábua pro descanso!!!!!

3 comentários:

Anônimo disse...

ESPERO QUE VC VOLTE LOGO E MENOS SE ACHANDO COMO EM 2009, AFINAL VC SE SENTE NE!....MENOS ..

Vascão disse...

Parabéns!!!!

adorei seu blog..

vc uni o conhecimento com a experiencia..

vou visitá-la sempre.

;]

Anderson Consenzo disse...

O importante é estar 100% novamente leve o tempo que levar. A pratica esportiva deve ser prazerosa e não de auto-indulgência.

Abraço