quinta-feira, 23 de setembro de 2010

GUERRA DOS SEXOS: BLOGUEIROS SABEM TUUUUUUUDO




Ok, cá estou eu novamente para falar mais um pouquinho sobre as diferenças entre homens e mulheres na corrida. Hoje, a pergunta é: QUEM É MAIS COMPETITIVO NA CORRIDA...O HOMEM OU A MULHER? Dessa vez, os blogueiros ajudaram a desvendar o mistério...rs...

Na verdade, apesar de ter feito uma pequena pesquisa, tenho que dizer....sou muito competitiva...muitas vezes, exageradamente. Mas isso em tudo na vida...no trabalho, no dia a dia, mas é na corrida que a coisa fica mais latente...

Agora deem uma olhadinha nisso: "Homens são mais propensos a correr – ou fazer exercícios – mais por uma questão de competição, ao contrário das mulheres que correm para se sentirem bem." Isso é o que diz um estudo sobre motivação pessoal feito por Elizabeth Loughren, da Universidade de Birmingham, Reino Unido. Loughren entrevistou mais de 900 corredores amadores – entre homens e mulheres – com idades entre 18 e 72 anos, que haviam se inscrito em uma maratona pela primeira vez.


No geral, as respostas mais frequentes foram que correr uma maratona era algo que tinha a ver com objetivos pessoais, autoestima e a procura por uma atividade saudável.Mas ao analisar as respostas mais comuns entre os gêneros, a pesquisadora – cujo trabalho foi apresentado na Conferência da Sociedade Britânica de Psicologia –descobriu que os homens salientavam as características relativas à competitividade.

Já as mulheres eram mais propensas a enfatizar as questões psicológicas – como “é bom para melhorar meu humor” – ou de saúde e bem-estar – como controlar o próprio peso e se sentir bem.“Isso pode influenciar também o quanto os homens irão aderir aos esportes com o decorrer da idade, por exemplo”, diz Denise Alonso, professora da área de Educação Física da Universidade Municipal de São Caetano do Sul (USCS).

A especialista diz que a opção por esportes competitivos – e com maior impacto, como o futebol – acaba por contribuir para a diminuição da frequência com o aumento da idade, justamente pelo fato de eles não responderem mais com tanta prontidão às jogadas.“Já as mulheres”, continua Denise, “acabam optando por atividades físicas menos competitivas, porém com menor impacto e mais regulares durante toda a vida.” A questão estética também é importante, explica a profissional, mas até isso é diferente entre homens e mulheres. “A mulher busca academias, por exemplo, para controlar ou diminuir o peso. Já os homens procuram, na maioria das vezes, a hipertrofia muscular: é uma questão de ser maior, mais musculoso, o que não deixa de ser uma competição, se não com os outros, ao menos consigo mesmo, procurando bater seus próprios limites o tempo todo”, diz.

No caso da corrida, isso também é facilmente observável, aponta Denise. “É comum vermos a progressão das mulheres no caso de esportes como a corrida: elas começam com caminhadas, aumentam os percursos e em algum momento optam pela corrida. Já os homens, muito comumente, querem ‘começar a correr’, ou seja, não há uma fase anterior, é uma decisão que já deixa os outros ‘competidores’ imaginários para trás.”É importante, portanto, que profissionais e médicos que acompanhem homens em idade a partir dos 50 anos, aproximadamente, enfatizem os pontos positivos da convivência e o bem-estar que o esporte ou as atividades físicas fora de casa proporcionam. Se for para competir, que seja contra o tempo, e a melhor maneira de fazer isso é não ficando parado.

Achei tudo isso muito bonitinho, mas que osblogueiros corredores acham sobre isso...Lembram do questionários que eu pedi que respondessem? Pois é.. hora da missão...39 blogueiros responderam as perguntas enviadas. Ao todo foram 40 cobaias ...rs...brincadeira....Desses 39 , 22 homens e 17 mulheres.

Perguntei:

Imagine a situação: Você está no meio de uma prova, dando todo o gás que tem...Faltam poucos metros, 400 talvez....Aquela mocinha (mocinho) que você deixou pra trás lá no começo da corrida, emparelha com você. O que você faz?


a) o (a) deixa passar, caso sinta que ele/ela está melhor do que você;
b) segue emparelhando cabeça a cabeça como num páreo de cavalos, trazendo consigo até o final a seguinte frase: “Não vou deixar voce passar nem a pau”.

Pois bem. No caso dos homens, a coisa foi tão apertada....Dos 22 que responderam, 12 disseram que seguiriam emparelhados cabeça a cabeçaao passo que os outros 10, disseram que deixariam o mocinho passar.. Foi empate técnico não foi??? Vamos ver se a mulherada resolve isso.

Das 17mulheres que responderam essa pergunta, 15 foram diretas: Seguiriam emaprelhas cabeça a cabeça... e não vai passar nem a pau....rs...Apenas 2, deixariam passar como a Grazielle e a Fabiana Rodrigues...

Olha a pesquisa da doida aí de cima furando...rs...Aqui é assim.. blogueiro é que entende...kkkkkkkkkkk....

Perguntei aos blogueiros:

Até que ponto você se acha uma pessoa competitiva?

a) até o máximo, quando entro numa prova, não quero saber se estou correndo com homens ou com mulheres, o importante é chegar na frente;
b) moderada, traço minha meta de tempo e corro, independentemente se vejo alguém me passando ou não;
c) moderada, mas admito que em determinadas situações traço duelos de titãs com algum/alguma corredora, por intinto;
d) nem um pouco. Pra mim, o bacana é participar. Chegar atrás ou na frente pouco importa.

Em relação aos homens ...dos 22, 13 disseram que seriam moderados, traçando suas metas e correndo... opção C. No entanto 8 deles responderam que não são nada competitivos...nadinha mesmo....inclusive meu marido disse isso....rs...e para minha suirpresa e também para a surpresa da pesquisadora aí de cima dos 22 blogueiros, apenas 1 deles disse que era competitivo ao máximo....que foi o Kleber RG....que medo hen???? rs.....

Já em relação às mulheres, das 17 blogueiras, 16 delas disseram que são moderadas, mas que muitas vezes travam duelos de titãspor puro instinto....e apenas 1 delas, mais uma vez a Grazielle, disse que não é nem um pouquinho competitiva....Aqui nenhuma disse ser competitiva ao máximo...aliás nem eu....eu corro, eu quero vencer, mas não entro só com esse pensamento...

Acho que a coisa tá ficando clara pra mim....mas vamos finalizar isso aqui....Por fim...perguntei aos blogueiros:


Num treino diário, ultrapassar o sexo oposto é mais gostoso?

Na boa, até eu fiquei surpresa com a resposta ...rs....

Dos 22 homens que responderam a pergunta, 21 disseram que NÃO, não é mais gostosos passar o oposto....Apenas 1 disse que sim, que foi o caso do JR. Agora deem só uma olhadinha ans mulheres: Das 17 blogueiras, 16 disseram que adoram passar os homens ealumas até disseram que isso é mais legal, principalmente quando o cara tá se achando demais...rs...Apenas 1 delas, e parece mentira, mas também foi a Grazi, disse que não acha mais legal o treino quando passa o oposto....

Gente.. fala sério...O que eu vi aqui é que as mulheres estãopartindo pra cima...Não deixam passar,travam duelos de titãs e agora admitem que adoram passar os homens...na verdade eu sou uma delas....rs...E confesso....eu amooooooooooooooooooo ouvir a respiração esbaforida do cara tentando acompanhar o meu passo....rs....Impagável.....

Mas os homens....tô chocada! Achei que fossem mais competitivos...tanto em relação ao mesmo sexo como ao oposto...É claro que o que sentimos é que as mulheres travam duelinhos maiores com homens....é guerra de sexo mesmo...e isso vai durar a vida toda...mas vamos combinar hem homarada....vamos dar um gás na vida....rs....e mulherada... força nas canelas que é Nóisssssssss.....! kkkkkkkkkkkkkkkkk

2 comentários:

António Almeida disse...

Luciane
permite-me que saúde os 21 Homens que responderam que não é mais gostoso passar o oposto, homens nos quais presumo estarei incluido já que também respondi ao inquérito, para mim não se trata de homens ou mulheres, quando treino, quando participo em provas, acima de tudo corro contra mim mesmo.
Abraço de Portugal.

Marli disse...

Olá passando para visitar seu blog conferir seu post, muito bom...
Bom final de semana.
\o/simbora treinar
\o/ simbora correr
www.marlipalugan.blogspot.com
Twitter:@marlipalugan