segunda-feira, 11 de junho de 2012

E NA HORA DE CORRER: VAI ÁGUA GELADA OU MORNA?




Hoje fui a uma consulta médica tentar uma salvação pra minha alergia. Conversa vai conversa vem, o médico me perguntou se eu praticava algum esporte. Com o sorriso escancarado e cheia de orgulho: "Sim, Dr. corrida". "Muito bem. Agora vou te dar uma dica. Você não pode tomar gelado por conta da sua alergia, principalmente agora no inverno, porém, quando estiver correndo, pode".

Obviamente, eu quis ir adiante e saber o por quê quando corremos podemos tomar água gelada, e aqui devo dizer, podemos e devemos e quando não estamos devemos tomar água em temperatura ambiente.

A explicação me agradou:  "Quando se trata de decidir entre a água gelada e água à tem­per­atura para con­seguir uma mel­hor hidratação, na maio­ria dos casos não há uma grande difer­ença em seu efeito para seu corpo.Todavia,  exis­tem algu­mas situ­ações em que a água gelada pode ser um pouco mais bené­fica do que a água à tem­per­atura ambi­ente, sua prin­ci­pal pri­or­i­dade deve ser sim­ples­mente para beber água sufi­ciente cada dia! Muitos pref­erem o sabor e a sen­sação da água fria, e pode ser mel­hor para beber quando você está exerci­tando. Quando você está correndo ou está envolvido numa ativi­dade intensa existe o aumento da tem­per­atura cor­po­ral; beber água fria pode aju­dar a diminuir a sua tem­per­atura de volta ao normal. Isso pode ser impor­tante quando se encon­tra em altas tem­per­at­uras ou debaixo do sol forte, quando você corre o risco de inso­lação por via de exer­cí­cio exten­u­ante. Além disso, a água fria é absorvida mais rap­i­da­mente em seu corpo do que a água à tem­per­atura ambi­ente, aju­dando você a se hidratar mais rap­i­da­mente".

Tá, mas e quanto a mim, que não curto tomar água gelada nem com reza braba? Ele também deu resposta:  A Água à tem­per­atura ambi­ente não é nec­es­sari­a­mente pior do que água fria, no entanto, quando você está correndo, pode não aju­dar a sub­sti­tuir seus flu­i­dos mais rap­i­da­mente e não terá o mesmo efeito de res­fri­a­mento do que a água gelada.
No entanto, não faz uma difer­ença sig­ni­fica­tiva, se você preferir água morna. Além disso, se você tiver dentes sen­síveis, água gelada pode irritá-los, enquanto a água à tem­per­atura ambi­ente não. É mais impor­tante que você beba água sufi­ciente para repor o líquido que você perde por meio de ativi­dades diárias e físi­cas, pre­venindo a desidratação, do que você beber água a uma tem­per­atura específica.

Pois é...quem disse que em uma simples consulta para tratar uma alergia, não pode dar origem a um novo post? Aliás, muito boa informação.

4 comentários:

Neila Carvalho disse...

Muito legal a explicação do médico. Eu estava uns dias sem tomar água o suficiente por causa do frio. Agora peguei minha garrafinha e coloquei na cabeça que devo continuar a tomar da mesma maneira que no calor.

www.feliznamedidacerta.com

Anônimo disse...

E dá agua gelada pro povo! Lia p cavalcanti

JOSÉ AMÂNCIO NETO - CORREDOR DA 3ª IDADE disse...

Legal Luciane! Gostei da matéria, pois serviu para tirar minhas dúvidas sobre o assunto. Parabéns pelo blog. Você manda bem. Também sou corredor/blogueiro. Já estou lhe seguindo. Quando puder faça uma visitinha - joseamancioneto.blogspot.com

Helena - Floripa/SC disse...

A quantidade de água antes, durante e depois da corrida é o tema da coluna Recorrido, do Danilo Balu na Contra Relógio deste mês. Vale a pena dar uma lida.
Beijos,
Helena
correndodebemcomavida.blogspot.com