segunda-feira, 1 de novembro de 2010



É BOM VARIAR


A gente lê revista sobre o assunto, a gente bate papo com pessoas experientes...mas a verdade é uma só: muitos de nós acabam fazendo aqueles treinos que gostamos e deixando algumas coisas importantes pra outro dia e outro e mais outro...


Eu sempre disse que odiava treinar em asfalto...em calçada então...E treinar á tarde? nem pensar. Acho que faz aproximadamente 3 anos que não treinava em asfalto ou calçada. É isso mesmo. A última vez, lembro bem, foi logo depois que tive meu filho...Não podia correr na areia, porque ainda estava inchada, os seios pesavam, as pernas ainda não aguentavam o tranco e então fui para a calçada. E confesso, ia treinar todo dia revoltada.


Pois no sábado tudo mudou em minha vida...rs...Como pela manhã fez um tempo horroroso não fuiz treinar. Mas à tarde bateu o peso na consciência...Olhei pela janela, vi que o tempo estava nubladinho...fresquinho...Era a hora. Esqueci todo o meu ódio mortal pelas calçadas e lá fui eu...Então tive uma idéia. Já que eu ia fazer um treino que eu não gostava, algum estímulo eu tinha que ter. Zerei o cronômetro e imaginei uma prova de 12km...essa era a distãncia que eu iria percorrer. Sempre que treino pela areia, faço treino de 10k. Mas no sábado o desafio seria mais 2km e em ritmo de prova.


Não sei se pelo clima, mas eu estava pisando em nuvens. Na volta, apertei mais ainda o passo e terminei o treino em pouco mais de 1 hora. A sensação de dever cumprido e de treino gostoso foi o máximo.


E daquele treino que eu esperava me arrastar e amaldiçoar pra todo o sempre saiu um ótimo tempo run...


Ás vezes é bem difícil a gente fazer treinos que não gostamos. Como os tiros por exemplo. Conheço atletas que se recusam terminantemente a realizá-los, muito embora reconheçam a importãncia dos mesmos para quem compete. Eu fui uma delas. Odiava treino de tiro e achava inclusive que quando eu fazia os meus 12 tiros de 1 minuto não valia a pena pois tinha treinadao menos de meia hora....Quanta besteira! Pois foram exatamente esses treinos de menos de 30 mintuos que me fizeram diminuir consideravelmente minhas marcas nas distâncias de 10k e me fizeram sofrer nas provas muito menos e correr muito mais.


É bom variar. Não acho que tenhamos que ser escravos de planilhas e treinos que a gente não curte, mas acho que devemos achar saídas para isso. Por exemplo.. se não curte fazer tiros, chame um amigo seu e faça-os com ele...Será um estíumulo e uma simulação de prova....


Se não curte subir morro, faça os treinos de subida nas escadarias do prédio.. aliás, esse tipo de treino melhora e muito o sistema cardiovascular e dá fôlego de sobra quando corremos no plano.


O importante mesmo é treinar. Não desnaimar quando aquele dia mandar fazer um treino que não é muito a nossa praia. Cotinuo odiando com todas as forças os treinos na calçada, no asfalto, mas não morri por tê-los feito, muito pelo contrário, fiz um [ótimo treino de resistência.


Variar é preciso!

6 comentários:

CANELAFINA disse...

Olá amiguinha corredora que gosta destas reflexões. Entendi bem seu drama no domingo. Aqui em Pelotas amanheceu um vento danado jogando tudo para o ar. Me recusei a treinar nestas condições, desliquei total para amanha fazer um passeio sobre minhas pernas corredoras. Que o tempo (clima) esteja do meu lado, do contrario desisto de novo. Um abraço . Eduardo

Bons Km disse...

Parabéns pelo treino Luciane parece que foi mesmo muito bom ter ido correr mesmo em situações adversas a nossa vontade...
Bom feriado
Bons treinos
Obrigada pela passadinha no meu blog...
Bjinhos
Ju

Rodrigo Xavier disse...

Olá Lucy!

Esta reflexão foi muito sábia, com certeza a variação dos treinos proporciona muitos benefícios. A Variação é sem dúvida um dos principios do treinamento que mais me preocupo. Quando você correr sempre no mesmo lugar e experimenta apenas mudar o sendito da corrida, já percebe na variação um novo desafio e os resultados são certos!

Gostei muito do seu blog.

Seguindo...

Bjos

Bons treinos

Rodrigo Xavier
http://meucorpoativo.blogspot.com/

Jorge disse...

Oi Luci, quanto tempo hein, os treinos para ultras estão me consumindo muito tempo e o pouco tempo que sobra tenho procurado descansar...De vez em quando é bom mudarmos de rotina, eu também não gosto de treinar em calçadas por causa que tem que ficar desviando das pessoas e também ter que tormarmos cuidado para não cair pois tem muitas calçadas por aí irregulares, mas treinar no asfalto é comigo mesmo...hehehe...
Também não gosto de treinar tiros, no final do treino fica muito esgotado...rsss...Mas não temos

O tënis que eu comprei o ASICS GEL CUMULUS 11 é muito bom sim, o bichinho já correu 50Km, aliás esse ano de 2010 já é o segundo par desse modelo que eu comprei veja no link abaixo o primeiro modelo quando eu comprei em Fev deste ano.

http://www.jmaratona.com/2010/02/tenis-asics-gel-gumulus-11.html

Bons treinos,


Jorge Cerqueira
www.jmaratona.com

irmascordeiro disse...

Conheci teu blog um tempo atrás, agora reencontrei. Sou irmã de julio, maratonista pernambucano e tmbém tenho um blog... irmascordeiro.blogspot.com. Lembro que me marcou vo~cê ter corrido grávida. Engravidei logo após e parei tudo. Hj já voltei, lenta, mas voltei. Vou ser sua seguidora. Mariana

Profª. Vânia Almeida disse...

Se você gosta de corrida de rua, eis a oportunidade de ganhar a inscrição para o Circuito Caixa de Corridas etapa Brasília. O kit está uper bacana!

Passa lá no blog e se inscreva, é só até dia 11/11 e a corrida dia 28/11.

www.cuidandodocorpo.com

Abraços,

Vânia Almeida