sábado, 17 de janeiro de 2009


Gebrlassie não bate recorde, mas vence em Dubai


Ele não bateu o recorde, mas, mesmo assim, venceu a corrida. O etíope Haile Gebrlassie havia declarado, durante a semana, que faria de tudo para melhorar o seu recorde mundial de 2h03min59s, na maratona de Dubai, que ocorreu nesta sexta-feira. Entretanto, mesmo sem melhorar a sua marca, Haile se consagrou no pódio.
O atleta cravou o ótimo tempo de 2h05min29s, e recebeu o prêmio milionário de US$ 250 mil (cerca de R$ 590 mil), pelo primeiro lugar. Gebrlassie comentou sobre a sua vitória no site oficial da IAAF.
“Eu fiquei satisfeito com o meu desempenho. Eu não sou perfeito com chuva e, mesmo assim, esse foi o meu melhor tempo com este clima. Eu sabia que depois da metade da prova, quando passei a sentir o vento e perceber que iria chover, o recorde não era mais possível. Este clima é ruim para os maratonistas', confirmou.
No pódio, o domínio foi etíope também. Deressa Edae Chimsa foi a segunda colocada, cravando um tempo de 2h07min54s, e Eshetu Wendimu terminou no terceiro lugar, com 2h08min41s.